Editorial

Autores

  • Gabriel Navia Universidade Federal da Integração Latino-Americana
  • Carole Gubernikoff Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.52930/mt.v8i2.281

Resumo

-

Biografia do Autor

Gabriel Navia, Universidade Federal da Integração Latino-Americana

Gabriel Navia é doutor em teoria e análise musical pela University of Arizona e mestre em performance musical (violão) pela mesma universidade. Durante o seu doutorado, dedicou-se ao estudo da forma sonata na música de Franz Schubert e, atualmente, dedica-se ao estudo analítico de repertórios tonais diversos dos séculos XIX–XXI e da forma de alguns gêneros da música popular latino-americana.

Gabriel Navia tem apresentado trabalhos em congressos nacionais e internacionais, incluindo a EuroMAC 9 (França, 2017), a 17th IASPM Conference (Alemanha, 2017), o III Congresso da TeMA (Rio de Janeiro, 2019) e a 44th SMT Conference (EUA, 2021). Suas mais recentes publicações apareceram em Musica Theorica (2019; 2020), The Sage International Encyclopedia of Music and Culture (2019), Revista Vórtex (2020) e The Routledge Companion to Music Theory Pedagogy (2020). 

De 2007 a 2013, Gabriel Navia foi professor assistente nos cursos de violão e de teoria musical na University of Arizona; de 2013 a 2014, foi professor substituto na Universidade Federal de Uberlândia; e, desde 2014 atua como professor de violão e disciplinas teóricas na Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA).

Gabriel é o editor-chefe da revista Musica Theorica, publicação da Associação Brasileira de Teoria e Análise Musical (TeMA). 

Carole Gubernikoff, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro

Carole Gubernikoff possui graduação em Música, Composição, pela Universidade de São Paulo (1979), mestrado em Comunicação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1985) e doutorado em Comunicação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1993) realizado com bolsa especial (CNPq) de doutoramento em Paris, no IRCAM. Sua tese versou sobre o tempo e suas representações na música da segunda metade do século XX. Atualmente é professora titular da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, onde atua na graduação e no Programa de Pós Graduação. Realizou pesquisa de Pós Doutorado na Universidade de Columbia, em Nova York, em 1997-1998, quando desenvolveu pesquisa sobre a música espectral e harmonia pós serial e Messiaen. Em 2003 defendeu tese para concurso de titular com o tema Análise Musical e empirismo em obras de Tristan Murail e Rodolfo Caesar onde discute o papel da escuta na análise musical em geral e m particular em obras eletroacústicas. Como pesquisadora de produtividade do CNPq desenvolve pesquisa sobre Pierre Boulez e o pensamento musical da segunda metade do século XX e apartir de 2009 sobre a Reescrita.. Em 2008 realizou estágio pós doutoral CAPES em Paris, na École Normale Sup, em Paris. Tem experiência na área de Música, com ênfase em Análise e Composição, atuando principalmente nos seguintes temas: análise musical, estética, composição musical, música contemporânea e teoria musical. Além das atividades de ensino e pesquisa tem se dedicado também à organização de eventos na áreas de música e estética contemporâneas, acreditando que a produção de conhecimento inclui o acesso e a divulgação dos produtos científicos oriundos do ensino e da pesquisa. Desde maio de 2012 é Decana do Centro de Letras e Artes da UNIRIO, atividade que se encerrou em 2020. Aposentada desde Janeiro de 2021, oferece disciplinas a curriculos multidisciplinares nas áreas de Humanas, com ênfase em estética, teoria musical e das linguagens e filosofia 

Downloads

Publicado

2023-12-31

Edição

Seção

Editorial